Aulaweb: Conheça os benefícios do formato mais utilizado no EAD | Literis

Treinamento eficiente para
uma performance excelente.

Receba atualizações, artigos e dicas imperdíveis
para ter grandes resultados com o seu treinamento.
(é Grátis)

 


    Seu e-mail está seguro. Você receberá apenas e-mails relevantes ao tema.
    aulaweb

    A aulaweb é um formato de conteúdo assíncrono mais utilizado nas empresas que investem em treinamento online. Pois o formato valoriza a autoaprendizagem e é mais simples de trabalhar para profissionais de treinamento que estão começando. E você já identificou do que estamos falando? É provável que não, já que terminologia no EAD ainda não é muito padronizada. Sendo assim, vamos recuperar o que é uma aulaweb:

    aulaweb
    aulaweb

    São os treinamentos no qual o conteúdo é distribuído em telas que possuem interatividade, e geralmente um botão seguir e outro voltar. E, no geral, é um formato muito flexível e que permite grande interatividade e até jogos. Mas, claro, nem todos são assim. Pois, alguns mais simples são apelidados e “PowerPoint interativo”.

    O formato aulaweb tem alguns benefícios interessantes, como:

    1. Autogerenciamento: O próprio aluno gerencia o seu tempo de aprendizado, controla o ritmo de progresso e pode recorrer quantas vezes achar necessário ao material para consulta;
    2. Assíncrono: Não necessita agrupar todos os alunos no mesmo horário. Esse inclusive é um benefício comum ao EAD, que apresenta soluções para acabar com custo com deslocamento de colaboradores para treinamentos presenciais, por exemplo, e dificuldade de conciliar agendas;
    3. Armazenável: A qualidade do treinamento armazenado é a mesma quando for refeito no futuro. É construído para funcionar assim, diferente de treinamentos ao vivo com interação, onde na gravação o colaborador perde parte da interação com professor e colegas.
    4. Possui baixo custo de atualização: A atualização do conteúdo é muito mais simples, se comparado a uma videoaula ou outros formatos, além de menos custosa. Através de ferramentas de autoria, o próprio gestor do curso pode editar e atualizar o treinamento

    Encontre o formato ideal para o seu treinamento

    Contudo, antes de escolher a aulaweb, videoaulaanimação de quadro branco ou qualquer outro formato de conteúdo para o seu treinamento, é necessário realizar um levantamento para conhecer melhor o perfil dos colaboradores.

    É importante entender que todos os formatos possuem seus pontos fortes e fracos, mas ao conhecer o perfil dos treinandos e desenhar os objetivos do projeto de EAD fica mais fácil entender qual é o tipo de conteúdo que melhor contribuirá para o desenvolvimento do projeto ideal. Afinal, a escolha de formatos não é só por simpatia do gestor do treinamento. Pois envolve perfil da empresa, dos colaboradores, tipo de conteúdo, objetivos e restrições tecnologias, entre outros fatores.

    Além disso, é importante salientar que um projeto de EAD pode utilizar os mais diversos formatos, o que chamamos de treinamento multiformatos ou blended learning. Uma vez que um treinamento dinâmico, e com a mescla de diferentes tipos de conteúdo, contribui para o aumento do engajamento de seu público alvo.

    Voltando ao assunto aulaweb, existem alguns tipos de subformatos dentro dessa categoria, como veremos a seguir.

    Powerpoint convertido é aulaweb

    Quem nunca esteve em uma aula ou treinamento em que o material base fosse um PPT? Definitivamente esse é o formato de conteúdo mais simples e comum para estudo. O que você talvez não saiba é que é bem provável que, se você tem um material de apoio em PPT, você já tem um treinamento online em potencial.

    Mas aí você se pergunta: então é só publicar o meu PPT na plataforma? Calma, não é bem assim. Para esse conteúdo se tornar um treinamento no formato aulaweb, ele precisa de algumas adaptações no conteúdo e técnicas.

    Quanto ao conteúdo, é necessário adaptá-lo para que possa ser assistido sem o acompanhamento do professor. Tecnicamente, o arquivo PPTX precisa ser convertido para formato SCORMNeste artigo você encontra algumas dicas para converter o seu PPT em um treinamento online em poucos passos.

    Aulaweb tela a tela

    Tanto o produzido no PowerPoint, como em uma ferramenta especializada de autoria como Captivate, Storyline ou iSpring, esse tipo de conteúdo é chamado de tela a tela pois o conteúdo é distribuído em telas ou slides, como o PowerPoint faz. E, em geral, esses conteúdos são adaptativos, e não responsivos – em breve faremos um post explicando melhor esses conceitos.

    Mas qual a diferença para PowerPoint?
    Basicamente, a apresentação em PowerPoint é feita para acompanhar um apresentador de forma síncrona, seja em uma apresentação presencial ou via webconferência. Já a aulaweb tela a tela é pensada para o treinando estudar sozinho. Quando produzido nas ferramentas adequadas, permite montar um conteúdo realmente interativo e, nesse sentido, incomparável com o PowerPoint. Pois o formato aulaweb é preparado para adicionar outras mídias, como vídeos, interatividade, conteúdos que se revelam de acordo com a progressão das telas, exercícios de fixação, narração, pontuação, em caso de conteúdos gamificados, e muito mais.

    aulaweb

    Aulaweb página única: Benefícios do Onepage e a era do mobile learning

    Funcionar em dispositivos móveis é um requisito essencial para alguns projetos, concorda? O onepage é um subformato da aulaweb no qual todo o conteúdo é disponibilizado em uma (ou poucas) páginas bem compridas. Ou seja, o usuário usa e abusa do scroll para ter acesso aos blocos de aprendizado, minimizando cliques e saídas para outras páginas.

    Além disso, é importante destacar que a aulaweb página única é 100% responsiva e é particularmente agradável de usar em telas touch. E por ser altamente responsiva, adapta todo o conteúdo, layout e interações aos mais diferentes tipos de tela, como smartphones, tablets e desktop.

    Além de alguns benefícios já citados no tópico acima, o subformato de aulaweb conhecido como onepage, possui muitos benefícios para o projeto de EAD da organização, como:

    1. Abraça o crescimento da aprendizagem móvel

    Como já falamos aqui, o mobile learning é tendência no mercado EAD e, de acordo com esta pesquisa estima-se que até 2025 cerca de 72,6% dos acessos à internet acontecerão via smartphones. Ou seja, num momento como esse, possuir um treinamento 100% responsivo em dispositivos móveis é imprescindível.

    Inclusive, um treinamento feito para funcionar nos mais diversos dispositivos, além de ser mais inclusivo, impacta positivamente na experiência positiva dos colaboradores ao acessarem o conteúdo. Pois ser responsivo significa que, independente do dispositivo, o treinamento funcionará bem e é eficaz.

    Um outro ponto importante é que o treinamento responsivo também facilita o acesso fora do ambiente no escritório. Se você parar para pensar, uma equipe comercial pode passar mais tempo fora do escritório do que dentro, e o tempo gasto em deslocamento e em salas de espera, pode ser convertido em tempo de estudo através dos seus celulares ou tablets. E o acesso à internet nem chega a ser um problema, já que o Moodle permite que treinamentos sejam realizados em modo offline.

    2. Microaprendizado é a chave do sucesso

    Ao acessar um treinamento ou qualquer tipo de conteúdo via celular, por exemplo, o que o usuário espera encontrar é um material que responda suas dúvidas, mas que não seja muito longo e cansativo. Afinal, imagina ler um longo texto em uma telinha? O microlearning é uma forma simples e assertiva de fornecer uma ótima experiência de aprendizado através da divisão de conteúdo em pequenos tópicos.

    Aqui o cuidado com a sobrecarga cognitiva é imprescindível para garantir o engajamento ao treinamento. Dividir o conteúdo em pílulas de aprendizado e distribuir em blocos por assunto, vai ajudar no aprendizado do aluno, tornando o material mais digerível e impactando positivamente na absorção do conhecimento pelos colaboradores.

    3. Reduzir cliques para manter o foco do colaborador na tarefa

    O objetivo é diminuir a necessidade de cliques desnecessários e navegação por outras telas. O formato aulaweb página única foi feito justamente para facilitar a navegação em dispositivos móveis, focado na ideia do aluno realizar uma ação por vez e permanecer em uma mesma página, sem distrações. O design deste subformato de aulaweb valoriza a navegação linear muito comum nas redes sociais.

    4. Menos é mais

    Já ouviu a expressão “menos é mais”? Ela se encaixa perfeitamente aqui. Ou seja, atenção para não tornar o treinamento muito cheio de informações. Mantenha o conteúdo limpo e fácil de consumir ao rolar a página.

    Contudo, cuidado para os blocos não parecerem uma coisa só. Aqui vale caprichar nos títulos, destacar os blocos por assunto e utilizar ícones e margens que demarquem o início e o fim de cada etapa.

    Foco no menu: Um índice claro e simples, torna a navegação mais interessante e objetiva, facilitando a experiência do aluno com o treinamento, que ao clicar em um título do índice, pode ser diretamente levado ao conteúdo da página.

    5. Rápida produção e atualização do conteúdo

    O conteúdo aulaweb página única, é menos custoso produzir e também para atualizar, quando necessário.

    É um formato bastante indicado para conteúdos sobre assuntos que estão sempre sofrendo atualizações e precisam de ajustes para manter o material sempre pertinente e atualizado. Por exemplo: treinamentos sobre tratamento de novas doenças ou criação de novas promoções de produtos ou serviços, podem necessitar de alterações constantes e é provável que a aulaweb seja o formato ideal para esses conteúdos.

    Confira alguns exemplos de treinamentos Onepage já produzidos pela Líteris:

    Hora de produzir

    Se for o caso de você ainda não ter um material e precisar criar o seu conteúdo do “zero”, aqui você encontrará algumas dicas bem práticas para desenvolver o seu treinamento.

    Contudo, muitas organizações encontram dificuldades justamente na hora de produção, seja por não terem uma mão de obra interna para produção de conteúdo, não ter as ferramentas, ou pela falta de conhecimento e experiência com o EAD. Esse é o seu caso? Entre em contato com a gente e agende uma conversa com um especialista.